5 dicas de como evitar micose na praia

Rosa Verão - Coleção 2018 / 2019

Basta o verão dar os seus primeiros sinais para que muitas pessoas já comecem a pensar em praia. Afinal, quem é que não gosta de sol, água de coco e barulho do mar. No entanto, antes de partir para o litoral, é importante que você saiba como evitar micose na praia. Mas por que, você deve estar se perguntando, não é?

O que ocorre é que o calor e a umidade da areia é um ambiente perfeito para a reprodução dos fungos. Esses organismos, por sua vez, se alimentam da queratina, substância presente nas unhas, cabelos e também na nossa pele. 

Por essa razão, preparamos este artigo com 5 dicas de como evitar as micoses na praia. Quer saber? Então continue a leitura e confira!  

1. Seque o corpo logo ao sair do mar e evite permanecer com as roupas molhadas por muito tempo

Para começar, lembre-se de que os fungos precisam da umidade para se proliferar. Assim sendo, o primeiro passo para evitá-los é procurar manter o corpo o mais seco possível. Ao sair do mar, seque-o o quanto antes: os pés e as dobras do corpo merecem atenção.

Recomendados pra você  Como se organizar financeiramente para viajar!

O mesmo vale para as roupas, evitando que elas fiquem molhadas por muito tempo. É claro que não há como secá-las instantaneamente, no entanto, opte por usar os modelos adequados para banho, que naturalmente já possuem um “poder de secagem” mais acelerado. 

2. Evite ao máximo andar com os pés descalços 

Evitar andar com os pés descalços na praia pode até soar um pouco estranho, é verdade. Mas o fato é que o contato direto com a areia é um dos principais fatores em relação à proliferação das micoses pelo corpo. 

Estamos nos referindo, sobretudo, ao hábito de caminhar na praia como forma de exercício. Você já deve ter notado que muitas pessoas andam pela areia segurando os chinelos na mão, certo? 

Embora estar descalço combine mais com o ambiente, o ideal é utilizar um tênis, pois além de evitar as micoses, certamente sua caminhada será mais confortável. 

3. Evite ficar mexendo na areia com as mãos

Similar à situação anterior, evite ficar mexendo na areia com as mãos.

Quem é que nunca brincou de construir castelos com uma criança? Mesmo que a contaminação assim seja menos provável, não arrisque.

Recomendados pra você  5 dicas para você se preparar para o verão

4. Procure não utilizar produtos que aumentem a oleosidade da pele

Outra dica que ajuda na prevenção das micoses é não utilizar produtos que aumentem a oleosidade da pele. Entenda que os fungos por trás do problema vivem sobre os poros, utilizando essa “gordura” como fonte de alimento. 

Portanto, quando for a praia, tente evitar aqueles cremes que deixam a pele com um aspecto oleoso: o bom e velho protetor solar é muito melhor que os óleos bronzeadores. Além de ser muito mais saudável para sua pele.

5. Não compartilhe toalhas

Por último, não compartilhe toalhas!

Tenha em mente que as micoses são condições de fácil transmissão, incluindo a partir do contato com objetos já contaminados. A dica é simples: tenha a sua própria toalha e tente não emprestá-la para ninguém. Em últimos casos, a empreste somente se não for utilizá-la novamente.  

Para concluir, saiba que as micoses são tratadas à base de cremes específicos, classificados como antifúngicos. É possível adquiri-los em qualquer rede de farmácia. 

O que achou do nosso artigo sobre como evitar micose na praia? Gostou? Então assine nossa newsletter e fique por dentro de todas as nossas novidades!

 [bar group=”21″]

Comentários

comentários

Sobre o Autor

O Blog do Rosa Verão tem como objetivo ajudar suas clientes com dicas de roteiros, praias, dietas, viagens, oferecendo qualidade em informação. Os biquínis da marca também seguem um rigoroso controle de qualidade, afim de garantir as clientes conforto e beleza. Conheça mais sobre nossos produtos em www.rosaverao.com.br