Porque você deveria parar de beber refrigerantes imediatamente?

Rosa Verão - Coleção 2018 / 2019

O grego Hipócrates (460 a.C. a 370 a.C.), considerado pai da medicina, foi o primeiro a preconizar que nós somos aquilo que comemos.

Mais de dois milênios depois, essa afirmação se torna cada dia mais verdadeira.

A alimentação, aquilo que consumimos, tem como única finalidade biológica fornecer aos nossos corpos os nutrientes necessários para o seu bom funcionamento.

É bem verdade que ao longo do tempo se multiplicaram as especialidades culinárias e as deliciosas iguarias que o mercado oferece ao consumidor.

No entanto, o grande debate atual se desenvolve em torno dos benefícios e malefícios da boa ou da má alimentação, que são as causas de um corpo saudável ou um corpo doente.

Qual a finalidade nutricional dos refrigerantes?

O ideal seria que, ao longo do dia, consumíssemos apenas os alimentos que fornecem os nutrientes que o nosso corpo necessita.

Sabemos que, com a vida corrida, cheia de compromissos e tentações do homem do século XXI, é muito difícil seguir rigorosos manuais de alimentação. Sendo assim, o que nos resta é buscar conhecer bem aquilo que nos faz mal e deixar os adversários da boa saúde fora da dieta.

Recomendados pra você  5 alimentos para manter a forma no inverno

Antes de pensar nos malefícios trazidos pelo consumo de refrigerantes, convém buscarmos entender o que essa iguaria oferece em nutrientes ao nosso corpo.

Somados todos os benefícios e nutrientes encontrados nos refrigerantes o resultado é igual a “zero”, simplesmente porque os refrigerantes não possuem valor nutricional.

Essa já é uma ótima razão para evitar o consumo dos refrigerantes, mas é apenas uma delas, porque se não acrescenta nada ao corpo, os prejuízos são gigantescos. Vejamos.

Os riscos de consumir refrigerantes

1 – Obesidade

Pesquisadores de Harvard realizaram estudo através do qual identificaram que para cada porção de refrigerante consumida, aumenta o risco de obesidade 1,6 vezes.

2 – Cafeína

Substância presente na maior parte dos refrigerantes, a cafeína, consumida em excesso, está associada a alguns tipos de câncer e nódulos mamários, entre outros problemas.

3 – Morte diet

Você já ouviu falar em aspartame? É uma substância usada nos refrigerantes diet, substituindo o açúcar, que consegue ser bem mais nociva do que ele, estando relacionada a quase uma centena de problemas de saúde, como tumores cerebrais, diabetes, distúrbios emocionais, convulsões e esclerose múltipla.

Recomendados pra você  Receita de leite vegetal para acrescentar em sua dieta

4 – Ácido Fosfórico

Essa substância, encontrada nos refrigerantes, reduz a capacidade do corpo de absorver cálcio, contribuindo para o amolecimento dos ossos, cavidades e osteoporose, além de retardar a digestão e impedir a absorção de nutrientes. Em outras palavras, péssima ideia acompanhar as refeições de refrigerante.

5 – Açúcar

Em cada lata de refrigerante está presente o equivalente a dez colheres de chá de açúcar, o que contribui de forma entusiasmada para a hiperglicemia, que está na origem de problemas como obesidade e diabetes.

Conclusão

Essas são apenas algumas das razões para você ficar bem longe do refrigerante, que, além de tudo, contribui para o aparecimento da celulite, não mata a sede, não nutre o corpo, não traz energia e ainda faz você engordar.

Logo, se estiver pensando em deixar o corpo mais bonito para o próximo verão, parar com o “refri” é o primeiro passo.

Gostou do que leu? Então aproveite e siga-nos no Facebook, Twitter e Instagram! Lá, sempre postamos conteúdo interessante para você!

[bar group=”21″]

Comentários

comentários

Sobre o Autor

O Blog do Rosa Verão tem como objetivo ajudar suas clientes com dicas de roteiros, praias, dietas, viagens, oferecendo qualidade em informação. Os biquínis da marca também seguem um rigoroso controle de qualidade, afim de garantir as clientes conforto e beleza. Conheça mais sobre nossos produtos em www.rosaverao.com.br