Como cuidar do cabelo na praia

Tempo de leitura: 3 minutos

Os cabelos são os que mais sofrem com as altas temperaturas do verão, principalmente quando em contato com as águas do mar e da piscina. E o drama não é apenas para um tipo de cabelo específico, mas para todos.

Os estragos que a falta de cuidado podem provocar afetam desde o couro cabeludo até os fios. O preparo deve ser antes, durante e depois do contato com praia ou piscina, para manter a maciez, o brilho e não ressecá-lo.

Proteção nunca é demais!

Só saia de casa com os fios bem protegidos. Os cabelos, assim como a pele, devem ser cuidados com protetor solar ainda antes de sair de casa.

Tudo porque os raios UV promovem oxidação capilar pelos radicais livres, que acabam deteriorando ao redor. Por isso os fios ficam mais embaraçados, quebradiços, frágeis e sem brilho.

A incidência dos raios UV degrada os pigmentos de melanina, causando um efeito chamado de fotodegradação, que clareia os fios ou, no caso dos coloridos artificialmente, os faz desbotar.

Cabelos que possuem processos químicos como escovas progressivas, tinturas e alisamentos precisam de cuidados especiais para evitar sofrerem ainda mais com os efeitos do sol. O couro cabeludo fica ainda mais sensibilizado, o que pode acarretar em alergias e caspas.

Fios queimados

É muito comum ver fios queimados durante o verão, sem nenhuma proteção adequada. Muitas vezes os efeitos são prolongados e acabam trazendo outros problemas, como queda de fios.

Protetores capilares com silicone, ceramidas e vitamina E são os mais indicados para aplicação com os cabelos ainda secos e antes de chegar à exposição do sol. Outros produtos que cuidam dos cabelos contra a salinidade da água do mar e o cloro da piscina devem ser usados antes de chegar à praia ou piscina, durante sua estadia e após, para evitar os efeitos sequenciais do sol em excesso.

Esse tratamento deve ser contínuo, para manter o cabelo vitaminado e hidratado. Ele inclui o uso de shampoo e condicionar específicos para o verão. Os produtos possuem uma fórmula com componentes mais indicados para a exposição dos fios ao sol.

Dicas valiosas

Ao sair da praia, enxágue os cabelos em água doce, para retirar num primeiro momento o sal da água do mar. Até mesmo uma garrafinha de água mineral ajuda a hidratar de imediato os fios antes de se chegar ao tratamento.

Para pentear cabelos molhados ou úmidos, até mesmo ainda na praia ou piscina, use pentes de madeira com cerdas largas e longas. Elas são as mais indicadas para não quebrar os fios.

Prender os cabelos com elásticos, presilhas e pregadores causa queda excessiva dos fios, exatamente por quebrá-los. Evite usar esse tipo de acessório, investindo mais em lenços, bonés e chapéus, que além de charmosos ajudam a não danificar os fios.

O leave-in precisa ser poderoso, para ser usado depois do banho. Os mais líquidos são mais indicados para cabelos finos e oleosos; já os cremosos são melhores para cabelos secos.

Evite usar secador e chapinha para não queimar ainda mais os fios após exposição solar. Se não for possível se desvencilhar dessas ações, compre um bom protetor térmico capilar para ser usado antes.

Curtiu a matéria? Siga nossa página e tenha sempre acesso a informações relevantes. Compartilhe e curta!

Comentários

comentários